Chamada Geral – 9º ano

29/11/2022

Organização do Arte e Cultura EFII – 2022
9º ano
Exposição Espaço/horário
Fotografias e fotomontagens Pátio da cantina
9h às 12h30
Projeto ostinato Sala de música
9h às 12h30
Linguagem cinematográfica Sala 22
9h às 12h30
Lançadores Corredores
9h às 12h30
Bazar Refeitório
9h às 12h30
Exposição e lançamento da camiseta do coletivo Equipreta Plantão e corredor lateral
9h às 12h30

 

Intervenção na escola

No ano de 2022, pudemos lançar um olhar mais atento para a Arte Contemporânea, e para as novas formas de arte que surgem neste período. Instalação, intervenção, deoarte, performance e mais amplamente a ideia de arte urbana como alternativa aos circuitos  oficiais de arte por promover um contato mais direto da obra de arte com o público,  foram alguns dos assuntos tratados em nossas aulas.

Ao longo do 2º Semestre, os estudantes do 9º ano que optaram pelo curso de Artes  Visuais, tiveram a oportunidade de explorar outras experimentações estéticas. Desta vez,  os próprios estudantes se tornaram os propositores e delinearam quais rumos os  trabalhos tomariam sendo que o principal requisito para a execução dos projeto fosse que os trabalhos procurassem, de alguma forma, dialogar com o espaço da escola e que esta pudesse se tornar o real suporte para suas intervenções.

Propuseram uma série de projetos, que expressam assuntos de naturezas diversas  elencados de acordo com suas percepções e temas de interesse para estudo e proposição a ser investigada desde de uma abordagem de pesquisa, levantamento de leituras até em sua concepção estética, dialogando com este vasto campo das práticas artísticas contemporâneas. Assim, lançaram foco sobre questões que se fazem urgentes no debate social, como: a poluição do meio ambiente (mares) a ascensão da extrema direita na política, a arte e o feminismo. Por meio destes estudos recordam o quanto a arte ainda  pode ter um papel crítico, de engajamento, que suscita reflexões sobre a sociedade e  estabelece diálogo com o público.

Em aulas prático-teóricas foram desafiados a versar em torno da forma e do conteúdo dos projetos a serem executados e perceberam o quanto estes dois conceitos podem estar entrelaçados e potencializam um ao outro para criar significações. Por fim, realizaram mapas conceituais que traduzem o pensamento por trás do processo criativo e o compartilham com o público desta exposição, numa espécie de mediação entre o trabalho e o espectador.

Seguimos neste último mês de aula ainda na proposta das intervenções pelo espaço da escola e assim inspirados por alguns Grafites da cidade de SP, pintaremos um dos muros da quadrinha.

Professora responsável: Ana Luiza Guarnieri

 

GRITA GRIFA GRAFA GRAVA

Um Ostinato é uma ideia musical que se repete persistentemente durante uma composição ou parte dela. Nas mais diversas épocas e culturas, esse foi um recurso musical amplamente utilizado para construir estruturas sonoras, dos padrões polirrítmicos africanos à música de concerto contemporânea, da música antiga aos riffs do Blues e do Rock, até chegar aos loops que marcam a música eletrônica atual.

No projeto de encerramento do curso de Música do Fundamental II, os alunos, alunas e alunos mobilizam os conteúdos trabalhados nos anos anteriores para compor experiências com a sobreposição de Ostinatos livremente inspirados em poemas. Usando aplicativos no computador e no celular, as composições brincam com a voz, com os sons do cotidiano, com instrumentos musicais, sons sintéticos e recortes de músicas conhecidas.

Especialmente para este ano de 2022, Centenário da Semana de Arte Moderna e do Bicentenário da Proclamação da Independência do Brasil, propusemos uma leitura crítica do Manifesto Antropófago, desenvolvido por Oswald de Andrade, que clamava aos artistas brasileiros por originalidade e criatividade, e que pretendia celebrar o nosso multiculturalismo e a miscigenação. A partir de discussões sobre seus significados e uma reflexão sobre a atual situação da cultura brasileira, a turma destacou palavras, expressões, ou mesmo, criaram um novo texto ou poema sugeridos pelas ideias do texto original. Esse produto literário se tornou o texto utilizado pelos grupos, na elaboração de suas
composições musicais, usando principalmente a estrutura musical de Ostinatos. Nesta instalação, vocês poderão apreciar, desfrutar, deglutir e digerir o nosso Banquete Antropofágico Tupi or not Tupi, com requintes de criatividade!

Bom Appétit!

Professores Responsáveis: Rosana Araújo e Henrique Paulino

 

Linguagem Cinematográfica

O curso de Multimeios de 9º Ano tem como eixo o estudo da Linguagem Cinematográfica. Ao longo do percurso da disciplina os alunos estudaram diferentes facetas da produção desta linguagem, como a edição e montagem, o áudio, desenvolvimento de roteiros, fotografia, etc.

O trabalho aqui presente marca a finalização deste processo, em que os alunos tiveram que colocar em prática aquilo que foi estudado ao longo do ano para produzir um curta metragem.

Professor responsável: Martim Leicand

 

Apresentações midiáticas sobre Grandes Mentiras

Ao longo do 8º ano, os cursos de Leituras e de Multimeios discutiram diversas maneiras que o ambiente midiático em que vivemos pode afetar nossas vidas e a política ao nosso redor.

Como trabalho final os alunos foram convidados a pesquisar e escrever sobre algumas das Grandes Mentiras que o público foi levado a acreditar ao longo da história e, por fim, apresentar essas mentiras por diferentes meios de comunicação.

Professores responsáveis: Cecília de Aguiar Bergamin Marim Leicand

 

Apresentação Ensino Infantil Ensino Fundamental I Ensino Fundametal II Ensino Médio
  GI Manhã
GI Tarde
1° Ano Manhã
1° Ano Tarde
2° Ano Manhã
2° Ano Tarde
3° Ano Manhã
3° Ano Tarde
4° Ano Manhã
4° Ano Tarde
5° Ano Manhã
5° Ano Tarde
6° Ano
7° Ano
8° Ano
9° Ano
1ª Série
2ª Série
3ª Série

Chamada Geral – 9º ano

29/11/2022

Organização do Arte e Cultura EFII – 2022
9º ano
Exposição Espaço/horário
Fotografias e fotomontagens Pátio da cantina
9h às 12h30
Projeto ostinato Sala de música
9h às 12h30
Linguagem cinematográfica Sala 22
9h às 12h30
Lançadores Corredores
9h às 12h30
Bazar Refeitório
9h às 12h30
Exposição e lançamento da camiseta do coletivo Equipreta Plantão e corredor lateral
9h às 12h30

 

Intervenção na escola

No ano de 2022, pudemos lançar um olhar mais atento para a Arte Contemporânea, e para as novas formas de arte que surgem neste período. Instalação, intervenção, deoarte, performance e mais amplamente a ideia de arte urbana como alternativa aos circuitos  oficiais de arte por promover um contato mais direto da obra de arte com o público,  foram alguns dos assuntos tratados em nossas aulas.

Ao longo do 2º Semestre, os estudantes do 9º ano que optaram pelo curso de Artes  Visuais, tiveram a oportunidade de explorar outras experimentações estéticas. Desta vez,  os próprios estudantes se tornaram os propositores e delinearam quais rumos os  trabalhos tomariam sendo que o principal requisito para a execução dos projeto fosse que os trabalhos procurassem, de alguma forma, dialogar com o espaço da escola e que esta pudesse se tornar o real suporte para suas intervenções.

Propuseram uma série de projetos, que expressam assuntos de naturezas diversas  elencados de acordo com suas percepções e temas de interesse para estudo e proposição a ser investigada desde de uma abordagem de pesquisa, levantamento de leituras até em sua concepção estética, dialogando com este vasto campo das práticas artísticas contemporâneas. Assim, lançaram foco sobre questões que se fazem urgentes no debate social, como: a poluição do meio ambiente (mares) a ascensão da extrema direita na política, a arte e o feminismo. Por meio destes estudos recordam o quanto a arte ainda  pode ter um papel crítico, de engajamento, que suscita reflexões sobre a sociedade e  estabelece diálogo com o público.

Em aulas prático-teóricas foram desafiados a versar em torno da forma e do conteúdo dos projetos a serem executados e perceberam o quanto estes dois conceitos podem estar entrelaçados e potencializam um ao outro para criar significações. Por fim, realizaram mapas conceituais que traduzem o pensamento por trás do processo criativo e o compartilham com o público desta exposição, numa espécie de mediação entre o trabalho e o espectador.

Seguimos neste último mês de aula ainda na proposta das intervenções pelo espaço da escola e assim inspirados por alguns Grafites da cidade de SP, pintaremos um dos muros da quadrinha.

Professora responsável: Ana Luiza Guarnieri

 

GRITA GRIFA GRAFA GRAVA

Um Ostinato é uma ideia musical que se repete persistentemente durante uma composição ou parte dela. Nas mais diversas épocas e culturas, esse foi um recurso musical amplamente utilizado para construir estruturas sonoras, dos padrões polirrítmicos africanos à música de concerto contemporânea, da música antiga aos riffs do Blues e do Rock, até chegar aos loops que marcam a música eletrônica atual.

No projeto de encerramento do curso de Música do Fundamental II, os alunos, alunas e alunos mobilizam os conteúdos trabalhados nos anos anteriores para compor experiências com a sobreposição de Ostinatos livremente inspirados em poemas. Usando aplicativos no computador e no celular, as composições brincam com a voz, com os sons do cotidiano, com instrumentos musicais, sons sintéticos e recortes de músicas conhecidas.

Especialmente para este ano de 2022, Centenário da Semana de Arte Moderna e do Bicentenário da Proclamação da Independência do Brasil, propusemos uma leitura crítica do Manifesto Antropófago, desenvolvido por Oswald de Andrade, que clamava aos artistas brasileiros por originalidade e criatividade, e que pretendia celebrar o nosso multiculturalismo e a miscigenação. A partir de discussões sobre seus significados e uma reflexão sobre a atual situação da cultura brasileira, a turma destacou palavras, expressões, ou mesmo, criaram um novo texto ou poema sugeridos pelas ideias do texto original. Esse produto literário se tornou o texto utilizado pelos grupos, na elaboração de suas
composições musicais, usando principalmente a estrutura musical de Ostinatos. Nesta instalação, vocês poderão apreciar, desfrutar, deglutir e digerir o nosso Banquete Antropofágico Tupi or not Tupi, com requintes de criatividade!

Bom Appétit!

Professores Responsáveis: Rosana Araújo e Henrique Paulino

 

Linguagem Cinematográfica

O curso de Multimeios de 9º Ano tem como eixo o estudo da Linguagem Cinematográfica. Ao longo do percurso da disciplina os alunos estudaram diferentes facetas da produção desta linguagem, como a edição e montagem, o áudio, desenvolvimento de roteiros, fotografia, etc.

O trabalho aqui presente marca a finalização deste processo, em que os alunos tiveram que colocar em prática aquilo que foi estudado ao longo do ano para produzir um curta metragem.

Professor responsável: Martim Leicand

 

Apresentações midiáticas sobre Grandes Mentiras

Ao longo do 8º ano, os cursos de Leituras e de Multimeios discutiram diversas maneiras que o ambiente midiático em que vivemos pode afetar nossas vidas e a política ao nosso redor.

Como trabalho final os alunos foram convidados a pesquisar e escrever sobre algumas das Grandes Mentiras que o público foi levado a acreditar ao longo da história e, por fim, apresentar essas mentiras por diferentes meios de comunicação.

Professores responsáveis: Cecília de Aguiar Bergamin Marim Leicand

 

Apresentação Ensino Infantil Ensino Fundamental I Ensino Fundametal II Ensino Médio
  GI Manhã
GI Tarde
1° Ano Manhã
1° Ano Tarde
2° Ano Manhã
2° Ano Tarde
3° Ano Manhã
3° Ano Tarde
4° Ano Manhã
4° Ano Tarde
5° Ano Manhã
5° Ano Tarde
6° Ano
7° Ano
8° Ano
9° Ano
1ª Série
2ª Série
3ª Série

Rua São Vicente de Paulo, 374
Higienópolis, São Paulo - SP

(11) 3662 - 6500

(11) 3579 - 9150

(11) 97374 – 8388

equipe@colegioequipe.g12.br

© Colégio Equipe - 2023

Rua São Vicente de Paulo, 374
Higienópolis, São Paulo - SP

(11) 3662 - 6500

(11) 3579 - 9150

(11) 97374 – 8388

equipe@colegioequipe.g12.br

© Colégio Equipe - 2023